O filho pequeno de Hope e Michael cresceu. O ex-membro do elenco de Supergirl, Chris Wood, é o primeiro ator escalado para estrelar o piloto da série da ABC “Thirtysomething(else)” – Trinta e poucos anos (mais), em portuguêsuma sequência da série de drama de 1987-91 de Marshall Herskovitz e Ed Zwick.

Escrita por Herskovitz e Zwick e dirigido por ZwickThirtysomething(else) seguirá com novos rostos interpretando as crianças crescidas do elenco original, a nova geração de trinta e poucos anos. Eles estão se juntando aos membros do elenco original Ken Olin (Michael Steadman), Mel Harris (Hope Murdoch), Timothy Busfield (Elliot Weston) e Patty Wettig (Nancy Weston), que reprisarão seus personagens em papéis coadjuvantes.

Wood interpretará Leo Steadman, filho de Hope e Michael e irmão de Janey. Bonito e charmoso (não muito diferente do pai), Leo está tão decidido a se tornar um “grande homem de negócios” como o pai, que pula algumas etapas no caminho. Seu talento e grandes idéias são desencorajadas por sua falta de foco e determinação.

Herskovitz e Zwick são os produtores executivos da ABC Studios, parte da Disney TV Studios e da MGM Television. As filmagens do piloto estão programadas para começar em março em Nova Jersey.

Wood interpretou Mon-El, personagem regular em Supergirl da CW por duas temporadas. Ele também teve um papel recorrente importante em The Vampire Diaries como Kai Parker, que ele recentemente reprisou em Legacies. 

O ator de Carrie Diaries e Containment também escreveu e dirigiu o curta The Stew, que estreou na noite de abertura no Festival Anual de HollyShorts de 2019. Ele é representado pela WME e Untitled Entertainment.

 

Fonte: Deadline

Tradução e Adaptação: Chris Wood Brasil